DABY SERVICES – Serviços de Manutenção, Reforma e Logística

Blog

Quais ferramentas de pintura não podem faltar?

Você sabe quais são as ferramentas de pintura indispensáveis para um serviço de qualidade?

Durante a obra ou reforma, você precisa se atentar a certas ferramentas de pintura, pois isso ajuda muito você a analisar os serviços dos profissionais, caso não seja você a realizar o trabalho

Para te ajudar nessa questão, relacionamos os itens indispensáveis na hora de pintar. Confira a lista!

A importância das ferramentas de pintura

Na maioria das vezes, quando as pessoas vão realizar uma obra ou renovar a pintura, elas se atentam apenas para a qualidade e cor da tinta.

Porém, é preciso entender que, para um bom resultado, a qualidade da tinta não é a única que merece atenção. A boa pintura é resultado de boas ferramentas também, já que colaboram para maior durabilidade.

Entre as ferramentas de pintura que merecem atenção, estão as trinchas, rolos e pincéis. Usando as ferramentas corretamente, o resultado será mais bonito e duradouro.

Lista de ferramentas indispensáveis no serviço de pintura

Para ter um resultado perfeito, fique atento se o profissional está utilizando as ferramentas de pintura certas…

Pincel

O mercado oferece inúmeras versões. É preciso encontrar os mais indicados para metais, madeiras, paredes e áreas de difícil acesso. As cerdas de cada um deles são variadas para que possam se adequar a diferentes tipos de aplicações de tinta, como látex, verniz, acrílica e outras.

Fique sempre atento ao tipo que está sendo usado pelo profissional, pois isso afeta diretamente o resultado da pintura.

Rolo

Há rolos para superfícies rugosas, ásperas, lisas e outros acabamentos. Assim como o pincel, são encontrados em diferentes tamanhos e versões. Fique atento ao tipo de tinta utilizado para saber qual rolo é o ideal:

  • Rolo de lã de carneiro: Aplicação de tintas látex PVA, à base d’água, acrílica e vinil-acrílicas;
  • Rolo de espuma: Aplicação de vernizes, tintas a óleo, complementos e esmaltes sintéticos;
  • Rolo de espuma rígida: Aplicação para acabamentos texturizados;
  • Rolo de lã para epóxi: Aplicação de tintas acrílica (acetinada e semibrilho) e à base de resina epóxi.

Lixas

Existem lixas para nivelar superfícies de madeira, ferro, metal e outras. Com a ferramenta certa é possível não só uniformizar a superfície, como também aumentar a aderência da tinta.

Cabo (ou suporte)

Com ele, os profissionais podem manusear melhor os rolos, garantindo, assim, resultados de maior qualidade. Por isso, o cabo está na lista das ferramentas de pintura que não podem faltar na obra ou reforma.

Aplicador de massa

É fundamental para aplicar uniformemente a massa corrida na parede, de forma a alcançar uma aplicação perfeita.

Betumadeira e espátula

São usadas no intuito de preparar as paredes para receber a tinta, pois retiram o excesso de resíduos, que prejudicam o trabalho.

Lona

Lonas são usadas para proteger pisos e paredes contra possíveis respingos de tintas, que podem gerar manchas indesejáveis.

Além dessas ferramentas de pintura, observe se os profissionais estão usando equipamentos de segurança, já que também entram na lista de ferramentas indispensáveis do pintor.

Quer evitar dor de cabeça e ter resultados superiores em sua obra?

Entre em contato com a DMAISB  e saiba como podemos te ajudar!

Compartilhe este post



Comentários (0)

Deixe o seu comentário!